Arquivo

Textos com Etiquetas ‘Cedilha’

Configurando teclado em inglês no Ubuntu (e com cedilha)

14 de agosto de 2009

Estou rodando uma imagem do Ubuntu 8.10, com GNOME 2.24.1, em uma VMware Player 2.5.2 no Windows XP, utilizando um teclado Genius (ximbica por sinal) padrão ABNT2.

Atualização em 29/08/2009: esses passos de configuração também funcionam com o Ubuntu 9.04.

A configuração de teclado dessa imagem estava com o layout ABNT2. Eu particularmente não gosto desse layout, prefiro utilizar o layout inglês internacional, até mesmo se eu estiver usando um teclado no padrão ABNT2. Sempre usei esse layout de teclado para escrever código e não pretendo trocar por nada.

A primeira coisa que eu fiz foi adicionar o novo layout. Para isso, no menu da barra superior do Ubuntu, fui em System, Preferences, Keyboard. Na janela Keyboard Preferences, na aba Layouts, cliquei no botão em frente a Keyboard model, que estava com Brazilian ABNT 2. Na janela Choose a keyboard model, escolhi Generic na lista Vendors, Generic 105-key (Intl) PC, na lista Models e depois clique no botão OK. Voltando para a janela Keyboard Preferences, cliquei no botão “+” (ou Add…) que fica logo abaixo de Selected layouts e na janela Choose a Layout, na aba By country, escolhi United States na lista Country, USA International (with dead keys) na lista Variants e pressionei o botão Add. Novamente na janela Keyboard Preferences, na lista Selected layouts, escolhi USA International (with dead keys) como padrão. Depois disso cliquei no botão Close.

Em princípio era isso, então abri o gedit para testar. Estava tudo certo, com exceção da cedilha, que exibia um “c” com acento. Isso mesmo uma letra c com um acento agudo em cima.

Pesquisei, pesquisei, testei, pesquisei e descobri que uma alternativa era usar “ALT+,”. Hum… meio tosco.
Pesquisei, pesquisei, testei, pesquisei, testei, pesquisei, testei e consegui configurar a cedilha.

A solução foi editar o arquivo /usr/lib/gtk-2.0/2.10.0/immodule-files.d/libgtk2.0-0.immodules.

No terminal, usei o seguinte comando para editá-lo usando o Vim:

$ sudo vi /usr/lib/gtk-2.0/2.10.0/immodule-files.d/libgtk2.0-0.immodules.

E então editei a linha 6:
“cedilla” “Cedilla” “gtk20″ “/usr/share/locale” “az:ca:co:fr:gv:oc:pt:sq:tr:wa”

Acrescentando “en:”:
“cedilla” “Cedilla” “gtk20″ “/usr/share/locale” “az:ca:co:en:fr:gv:oc:pt:sq:tr:wa”

Ressaltando que para alterar esse arquivo eu precisei abrí-lo no VIM como sudo.

Fechei e abri de novo o gedit e a cedilha estava funcionando. No terminal não rolou, continuou aparecendo “c” com acento. Pelo menos por enquanto vou continuar utilizando o “ALT+,” quando tiver que usar cedilha no terminal.

Coloquei aqui todos os passos que fiz em detalhes, pois penei um pouco para descobrir como solucionar o problema e em várias soluções que encontrei, dependendo da versão do Ubuntu, os passos não são exatamente esses ou o arquivo para editar não é o mesmo. E é claro, eu espero que você não passe por isso se tiver o mesmo problema.

Referências:
http://www.vivaolinux.com.br/dica/Configurando-teclado-com-layout-americano-para-funcionar-simbolos-do-alfabeto-brasileiro/
http://www.danilocesar.com/blog/2007/05/19/cedilha-no-ubuntu-em-ingles/

Unix , , , ,